Hoje uma IA aprende mais rápido?

Chatbot Maker
22/6/2021

Hoje uma IA aprende mais rápido do que nunca!


Antigamente, uma Inteligência Artificial precisava, em média, de 6h de treinamento para aprender alguma intenção, hoje são só 88 segundos. Isso quer dizer que em pouco mais de um minuto ela lê, raciocina e pensa em uma resposta para sua questão. E isso é muito pouco!


Pelo menos é o que foi apontado pelo AI Index. O que é isso? O AI Index Report rastreia, compara, destila e visualiza dados relacionados à inteligência artificial.


Sobre o AI Index


Sua missão é fornecer dados imparciais, rigorosos e abrangentes para formuladores de políticas, pesquisadores, jornalistas, executivos e o público em geral para desenvolver uma compreensão mais profunda do complexo campo da IA.


E aí entra o relatório do AI Index. Ele é um ponto de partida para conversas mais bem informadas sobre o estado real da inteligência artificial (AI). E isso nos mais diversos campos em que ela aparece. 


Para ser assim tão preciso, o relatório agrega um conjunto diversificado de métricas e torna os dados subjacentes facilmente acessíveis ao público em geral, além de um comitê formado pelos maiores especialistas no mundo no assunto, com presença de pesquisadores direto do Google Labs e do Watson, por exemplo.


A IA aprende? Mas como funciona isso?


Para exemplificar o aprendizado de uma IA, vamos usar como exemplo os chatbots.


Quando você fala com um chatbot “que horas vocês estão fechando hoje?”, você está querendo saber se está aberto, certo? Ou seja, a intenção é saber o horário de funcionamento.


Para que o chatbot possa te responder certo, ele precisa entender isso também. E para ele entender, precisa algum especialista ensinar o chatbot a reconhecer que essa frase, e várias variáveis dela, estão ligadas a essa intenção “horário de funcionamento”.


O que o relatório aponta é que antes, em 2018, para que o bot entendesse isso que você está falando, alguém precisava ficar 6h seguidas ensinando isso para ele. O que é extremamente demorado não é?


Veja bem, são 6h para cada intenção. Ainda existem as variáveis dela, ou seja, as diferentes formas dela ser dita.


Pois é, foi justamente isso que mudou de lá pra cá:


Hoje o tempo é de 88 segundos para ensinar ele, em média, intenções simples.


A IA no seu dia a dia


Legal né? Mas isso significa o que para você? 


Ora, que hoje uma IA é muito mais inteligente para aprender sobre o que ela se propõe. É graças a isso que hoje você pode falar praticamente de tudo com a Alexa. 


Continuando no mundo das tecnologias, também é por causa disso que o Google consegue mostrar aqueles resultados paras suas perguntas sem nem mesmo você precisar abrir um site. Ou então, se formos mais longe, uma rede social entender o que você gosta para te mostrar anúncios personalizáveis.


Na medicina, é por causa disso que um teste de sangue para doenças sérias como Covid ou HIV podem ser liberados em poucas horas. E no mundo dos carros, é esse tipo de tecnologia de aprendizado de padrões que está permitindo que as grandes montadoras possam criar, em breve, carros que estacionam ou até andam de forma mais automática.


E para seu negócio a IA assim, mais inteligente, é ótima para te ajudar a otimizar seu atendimento digital, pois pode responder as perguntas frequentes do seu chat sem nem mesmo passar por um atendente, liberando mais tempo para eles produzirem melhor.


Um dado fruto de muito investimento


Isso de fato é incrível e só foi possível devido a outro dado também mostrado no AI Index, o de que a produção e investimento em IA cresceu 800% em 8 anos.


Como mencionamos, setores como reconhecimento biométrico, medicina, automobilística, comércio e processamento de dados juntos receberam mais de $15BI de investimento líquido.


Mas são dados como esses que apontam o porquê que a IA aprende cada vez melhor aquilo que ela se propõe a fazer e de porquê estar se popularizando tanto no seu cotidiano.